skip to Main Content
ANVISA Aprova Nova Combinação De Medicamentos Para O Tratamento Do Mieloma Múltiplo

ANVISA aprova nova combinação de medicamentos para o tratamento do mieloma múltiplo

Daratumumabe poderá ser utilizado junto a outras drogas, em pacientes que já receberam tratamento prévio

Neste mês de junho, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) aprovou uma nova combinação de medicamentos para tratar o mieloma múltiplo (MM), tipo de câncer que tem início na medula óssea e atinge, na maior parte dos casos, pessoas acima dos 60 anos de idade.

O daratumumabe é um tipo de anticorpo monoclonal que inibe a proteína CD38, presente nas células de MM da maior parte dos pacientes. A nova indicação é o uso uso combinado com lenalidomida e dexametasona ou com bortezomibe e dexametasona. A outra opção também aprovada é o tratamento com daratumumabe combinado ao carfilzomibe e dexametasona. Todas estas alternativas são indicadas para pacientes com mieloma que receberam pelo menos um tratamento prévio.

Estudo CANDOR

A nova combinação é baseada nos resultados do estudo clínico CANDOR, de Fase 3, randomizado e aberto de daratumumabe, carfilzomibe e dexametasona em comparação com carfilzomibe e dexametasona isoladamente. Ele avaliou 466 pacientes recidivantes ou refratários com mieloma múltiplo que receberam uma das três linhas de terapia anteriores. O desfecho primário foi a sobrevida livre de progressão, e os principais desfechos secundários foram a taxa de resposta geral, doença residual mínima e sobrevida geral.

This Post Has 3 Comments
  1. Eu faço uso de Carfilzomib combinado
    com Dexametasona com resultados excelentes(livre de progressão). A evolução dos tratamentos é de grande interesse pera o meu caso. Excelente notícia.
    Muito obrigado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top
×Close search
Search